28/03/2012

Serviços e Cidadania realiza palestra sobre Captação de Recursos

O evento, uma parceria entre Instituto GRPCOM e Unicuritiba, reuniu estudantes e dezenas de representantes de organizações do Terceiro Setor

O Instituto GRPCOM e o Centro Universitário Curitiba (Unicuritiba) promoveram na noite da última terça-feira (27) uma palestra para as ONGs cadastradas no projeto Serviços e Cidadania. Com o tema "Como captar recursos nacionais e internacionais para as ONGs", a palestra ministrada pelo professor coordenador dos cursos de gestão financeira e administração do Unicuritiba e consultor cadastrado junto à Comunidade Europeia, Sergio Alexandre Centa, reuniu 129 pessoas de 88 organizações diferentes – além de cerca de 50 estudantes das turmas de Gestão Financeira do Centro Universitário.

Centa falou das principais fontes de recursos para o Terceiro Setor. Segundo ele, existem “recursos abundantes no mundo, mas é preciso saber onde procurar”. “Mesmo com muitos países europeus em crise, há muitos recursos disponíveis para projetos sociais na Comissão Européia”. Para o professor, ser conciso e pensar no que pode interessar mais para quem oferece o edital é fundamental na hora de inscrever uma proposta. “Sendo objetivo na inscrição do projeto e atendendo sempre as prioridades do edital, a chance de sucesso é muito grande. O segredo é compreender o edital e a entidade proponente”, conta.

Para o gestor de uma fundação de incentivo à prática de tênis, Alexandre Gonçalves, a palestra foi de grande importância já que “muitas vezes as ONGs não sabem onde captar recursos”. “A gente sempre pensa em captar do governo e a palestra de hoje apontou novas possibilidades”. Para Ana Patrícia Barros, da Associação Beneficente Dikaion, a palestra ajudou a esclarecer a “captação de recursos internacionais, principalmente no que diz respeito ao preenchimento do formulário, que é o mais difícil”. Lá na instituição a gente até já viu alguns editais internacionais, mas nunca nos inscrevemos. “Agora, com o subsídio da palestra, a gente vai se inscrever”, revela.

Participação solidária
Durante a palestra foram arrecadados aproximadamente 91 quilos de alimentos não perecíveis, que serão doados às ONGs devidamente cadastradas no projeto Serviços e Cidadania. 

 

 

Utilizamos cookies e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade e Política de cookies , ao continuar navegando, você concorda com estas condições.