15/06/2012

Parceria IGRPCOM e FAE resulta em grandes ações para ONGs

Dentre os trabalhos realizados pelos alunos no Serviços e Cidadania estão Comunicação, Elaboração de site e Pesquisa de Mercado

Já revela o ditado popular: Duas cabeças pensam melhor do que uma. Aliás, já foi comprado cientificamente na Universidade College London (Grã-Bretanha) que as melhores ideias vêm em equipe. Dessa maneira, nessa semana três turmas do FAE Centro Universitário – realizaram trabalhos para algumas instituições por meio do projeto Serviços e Cidadania. Nesse canal, as ONGs apresentam suas necessidades nas áreas de comunicação e gestão e os parceiros disponibilizam serviços gratuitos para atendê-las.

Comunicação Social – Publicidade e Propaganda

Na segunda-feira do dia 11 de junho, os alunos do curso de Comunicação Social – Publicidade e Propaganda, orientados pela professora Annelore Spieker, na disciplina Mídia, e pelo professor Randy Rachwal, na disciplina Criação, apresentaram trabalhos de Planejamento e Comunicação voltados a causas sociais. Além do estudo de mercado e planejamento de mídia, eles sugeriram peças que podem servir para divulgação da ONG Ação Social do Paraná. Durante as apresentações, os acadêmicos revelaram ter sido uma experiência positiva, já que o trabalho foi com cliente real e, dessa maneira, puderam entender como funciona o mercado de trabalho.
 
Tecnologia em Sistemas para Internet
 
Já na quarta-feira, dia 13 de junho, os universitários da FAE apresentaram propostas de site para a instituição Camisa 10, de São José dos Pinhais. A instituição beneficiada escolherá o site que mais combine com a ONG, de acordo com seus valores, objetivos e slogan. Paola Menegotto, da ONG camisa 10, ficou encantada com a apresentação dos trabalhos. “Embora a ideia seja escolher um site, anotei várias ideias que os grupos tiveram”, afirmou Paola. A estudante Maryene Muniz revela que independente de qual trabalho for escolhido, irá continuar com a experiência de voluntariado. “Esse foi meu primeiro contato com o Terceiro Setor e me apaixonei. Quero contribuir com as organizações dentro do que sei fazer: programação de site”. Flavio Junior, estudante do curso, conta a experiência com a ONG e acrescenta que é fundamental se encantar com a causa. “Percebi o quanto a organização é importante e abracei a causa”, revela Flavio.
 
 
Administração, Marketing e Publicidade e Propaganda
 
Além dos trabalhos de comunicação e elaboração de site, no dia 13 de junho, os alunos de Administração, Marketing e Publicidade e Propaganda, FAE, orientados pela professora Flavia Letícia Soares e Silva, apresentou às instituições os diagnósticos e as análises dos dados realizados durante esse tempo de pesquisa. Dentre as instituições beneficiadas com o diagnóstico dos alunos estão D+Eficiente, Fundação Ecumênica de Proteção ao Excepcional, Instituto Arayara de Educação para a Sustentabilidade, Instituto Tibagi, Rede Esperança, Socorro aos Necessitados, Luz Divina – Ação Social Voluntária do Paraná, Casa de Recuperação Nova Vida (CRENVI). Para o professor Édio Furlanetto, presidente do Instituto Tibagi, foi um processo rico trabalhar com a equipe. “Eles visitaram a instituição e interpretaram rapidamente os nossos objetivos. Por ser um grupo grande, a equipe é bem eclética e tiveram diferentes ideais, todas visando o melhor resultado. É gratificante”, declarou o professor Édio.
 

Professor Édio, presidente do Instituto Tibagi e alunos da FAE

Utilizamos cookies e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade e Política de cookies , ao continuar navegando, você concorda com estas condições.