26/09/2011

Morre ativista africana

Wangari Maathai foi a primeira mulher do continente a ganhar o prêmio Nobel da Paz

Uma das grandes referências no ativismo em prol da sustentabilidade faleceu na noite de ontem (25), em Nairóbi. Wangari Maathai, de 71 anos, foi a primeira mulher africana a receber o Prêmio Nobel da Paz (em 2004) e também a obter o título de PhD e ser professora da Universidade de Nairóbi.
 
Clique aqui  para conheçer um pouco mais sobre a trajetória de Maathai e o projeto criado por ela em 1977, no post publicado nesta segunda-feira no Blog Giro Sustentável.
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
                                         

Utilizamos cookies e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade e Política de cookies , ao continuar navegando, você concorda com estas condições.