20/05/2010

Mobilização de moradores transforma realidade de bairros paranaenses

Ações são desenvolvidas pela comunidade, iniciativa privada e poder público

Tae kwon do e fanfarra para as crianças, futebol de salão para os adolescentes, balé para um grupo de mães. Engana-se quem pensa que estas são atividades exclusivas para freqüentadores de um clube particular. Trata-se de ações planejadas por uma Rede de Desenvolvimento Local, fomentada por uma parceria entre SESI e FIEP. O exemplo vem do bairro de Olarias, em Ponta Grossa, mas a idéia é que iniciativas como estas, de envolvimento da comunidade, possam se multiplicar por todo o estado.

“Nem tudo que significa desenvolvimento precisa vir do poder público. Algumas soluções são simples e passam por pequenas ações dos moradores. A ideia é que o cidadão assuma o protagonismo do desenvolvimento local”, diz José Marinho, coordenador das Redes de Desenvolvimento Local. Na reportagem especial para a Gazeta do Povo, Leonardo Bonassoli explica em detalhes o programa promovido pelo SESI e pela FIEP e apresenta também a mobilização da comunidade nos bairros São Braz e Orleans, em Curitiba.
 
Confira aqui, na íntegra, a reportagem da Gazeta do Povo.
 
*Foto: Antonio Costa
 
 
 

 

Utilizamos cookies e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade e Política de cookies , ao continuar navegando, você concorda com estas condições.