23/07/2014

Ler e Pensar renova parceria com a Fiep

Desenvolvido pelo Instituto GRPCom e Gazeta do Povo, projeto conta o apoio da Federação das Indústrias há dois anos

Com informações da Gazeta do Povo

A Gazeta do Povo formalizou ontem a renovação da parceria do Projeto Ler e Pensar com a Federação das Indústrias do Paraná (Fiep). Firmada desde 2012, a parceria já atende 48 escolas do Serviço Social da Indústria (Sesi/PR), envolvendo 854 professores e beneficiando 13.476 alunos. Participaram da reunião Ana Amélia Filizola, diretora da unidade de jornais do Grupo Paranaense de Comunicação (GRPCom), Edson Luiz Campagnolo, presidente da Fiep, e José Antônio Fares, superintendente do Sesi e do Instituto Euvaldo Lodi (IEL).

Para Campagnolo, as ações do projeto Ler e Pensar vão ao encontro da metodologia de ensino adotada pelo Sesi, de caráter inclusivo, que impulsiona a capacitação para o ingresso de seus alunos no mercado de trabalho. “Nossa proposta é formar e qualificar o jovem para o trabalho. Nesse sentido, o Ler e Pensar auxilia na formação crítica dos nossos alunos, que chegam ao mercado com melhores condições de competir. O projeto é, na verdade, um grande trabalho de inclusão”, avaliou.

De acordo com Ana Amélia, “a renovação do contrato é feliz para os dois lados”, pois a parceria propicia uma troca intensa de ideias e sugestões sobre ações educativas que incentivem o protagonismo do jovem. Ela também enalteceu os resultados alcançados pelas unidades no Sesi, a propósito das ações de “boas práticas na escola” realizadas, como, por exemplo, o “impostômetro” construído por alunos do Colégio Sesi Pato Branco, ou a utilização do jornal como ferramenta de leitura e tradução nas aulas de espanhol da unidade Sesi de Bocaiuva do Sul.

Quinze anos
Debutando em 2014, ano em que completa 15 anos, o Ler e Pensar já envolveu cerca de um milhão de crianças e professores de todo o estado, elevou índices de leitura e contribuiu para a renovação de dinâmicas e práticas pedagógicas. Idealizado em 1999 para ser um projeto de incentivo ao exercício da cidadania e do pensamento crítico, através da formação de leitores jovens e conscientes, o Ler e Pensar consiste em utilizar o jornal como ferramenta de aprendizado para estudantes de escolas estaduais, municipais e particulares.

Concurso premia boas práticas pedagógicas
A proposta do Concurso Cultural Ler e Pensar é premiar o desenvolvimento de práticas pedagógicas que utilizem o jornal como recurso educativo. Os projetos inscritos devem apresentar propostas de impacto educacional e social, que estimulem a formação de leitores participativos e conscientes.

A importância do jornalismo na construção da cidadania também é valorizada: foi através do Ler e Pensar que alunos de Quatro Barras aprenderam sobre a própria realidade, entraram em contato com a Gazeta do Povo e relataram as carências enfrentadas pela escola municipal, viabilizando uma grande reforma na instituição.

O concurso aceita projetos inscritos nas categorias: Práticas Pedagógicas (para professores); Mobilização (escolas); Compromisso (secretarias de educação); Ilustrador Mirim (alunos do 1.° ao 3.° ano); Cartunista Mirim (alunos do 4.° ao 5.° ano); Redator Júnior (alunos do 6.° ao 9.° ano) e Repórter Teen (alunos do ensino médio).

Serviço

Inscrições: abertas

Envio dos trabalhos: até 12 de setembro

Divulgação finalistas: 29 de setembro

Banca avaliadora presencial (para Práticas Pedagógicas): 8 de outubro

Divulgação vencedores: 8 e 9 de novembro

Informações: www.institutogrpcom.org.br/concurso-ler-e-pensar/sobre-o-concurso.html

Crédito da foto: Giuliano Gomes/Gazeta do Povo

Utilizamos cookies e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade e Política de cookies , ao continuar navegando, você concorda com estas condições.