06/09/2017

Ler e Pensar: O Concurso Cultural está de cara nova

Confira as regras e inscreva seu trabalho

 

O Concurso Cultural de 2017 tem novidades. Este ano, além de premiar os vencedores de cada uma das categorias, o trabalho que obtiver maior pontuação ganhará um destaque extra e será considerado o Grand Prix (vencedor master) da edição. “Optamos por premiar a prática pedagógica por completo, por entendermos que desta forma estamos reconhecendo o professor que utiliza o projeto como um todo”, explicou Mariane Maio, gestora do Ler e Pensar.

As inscrições dos trabalhos devem ser feitas online, até o dia 25 de outubro, e o tema é livre. A avaliação e julgamento ocorrerão até dia 17 de novembro, mesmo mês em que será divulgado o resultado. O regulamento do concurso e todas as explicações estão disponíveis no site do Ler e Pensar e podem ser acessados pelo link: www.lerpensar.com.br .

 

Categorias e prêmios

Os trabalhos serão divididos em três categorias: Ensino Fundamental I, Ensino Fundamental II e Ensino Médio. Professores da Educação de Jovens e Adultos (EJA) e da Educação Especial devem enquadrar as suas turmas de acordo com as categorias acima.

Os três professores responsáveis pelas práticas pedagógicas vencedoras, em cada categoria, receberão troféu, destaque da prática na Gazeta do Povo e um notebook. A prática pedagógica que tiver a maior pontuação será considerada a Grand Prix e receberá também um troféu e uma lousa digital. A divulgação dos nomes dos vencedores ocorrerá durante evento em novembro de 2017, em Curitiba.

 

Avaliação

Na edição 2017 do Concurso, os trabalhos serão avaliados integralmente. A descrição da prática pedagógica valerá até 60 pontos e seguirá alguns critérios como a observância à proposta do projeto Ler e Pensar e ao uso pedagógico do jornal Gazeta do Povo, relevância social e educacional do projeto desenvolvido e originalidade e criatividade nas atividades desenvolvidas.

Apenas práticas que obtenham no mínimo quarenta pontos seguirão para a segunda etapa de avaliação, que consiste na avaliação individual das evidências que comprovem sua realização e o envolvimento dos estudantes. Trabalhos realizados pelos alunos, com orientação do professor, valerão os outros quarenta pontos.

Fotos e/ou ilustrações com legenda, textos, podcasts, vídeos, atividades que envolvam a comunidade e família serão os demais itens avaliados. Nestes casos, não serão consideradas a forma ou a estética dos materiais, mas sim se a prática pedagógica foi bem aplicada e se o material seguiu os conceitos do meio escolhido (foto, texto, vídeo, podcast). Todos os trabalhados deverão ser postados ou hospedados em algum site e/ou rede social, conforme o regulamento do Concurso.

Além disso, os professores poderão ganhar 10 pontos extras, caso tenham enviado as duas práticas pedagógicas previstas pelo edital do Ler e Pensar, no link do projeto. Cada prática enviada ganhará cinco pontos, independentemente de avaliação.

 

Informações:

Regulamento: www.lerpensar.com.br

Inscrição: até 25 de outubro

Avaliação e julgamento: de 26 de outubro a 17 de novembro

Premiação: novembro