24/09/2014

Ler e Pensar é bicampeão em premiação mundial

Projeto da Gazeta do Povo e Instituto GRPCOM é um dos vencedores do World Young Reader Prize, prêmio internacional que reconhece empresas de comunicação que incentivam a leitura

                                                       
​O projeto Ler e Pensar, desenvolvido pela Gazeta do Povo e Instituto GRPCOM, será premiado pela segunda vez no Prêmio Mundial de Jovem Leitor, o
World Young Reader Prize, concedido pela Associação Mundial de Jornais (World Association of Newspapers – WAN). Realizado anualmente, desde 1998, o prêmio internacional reconhece empresas inovadoras de comunicação que incentivam a leitura pelo público jovem através de projetos e atividades nas principais áreas de desenvolvimento de leitura. A divulgação aconteceu nesta segunda-feira (22) e o Ler e Pensar foi o único projeto brasileiro premiado.

Nesta edição do prêmio internacional, a iniciativa paranaense que comemora 15 anos de existência em 2014, foi reconhecida na categoria Excelência em Durabilidade (Enduring Excellence), que honra projetos pela sua continuidade e por beneficiarem tanto a organização quanto as novas gerações.

 “Em 2011 já ficamos muito felizes pela conquista na categoria Newspapers in Education, que reconheceu os projetos por sua relevância educacional; agora, o fato de sermos vencedores nessa categoria comprova a continuidade e a força de nossas ações junto aos jovens leitores. Ficamos muito satisfeitos, pois hoje o programa é referência mundial graças a sua metodologia e sustentabilidade”, avalia Fernanda Cotrim, gestora do Ler e PensarSegundo ela, nos últimos 15 anos a equipe desenvolveu estratégias e concentrou esforços para manter a continuidade do projeto. “O que aconteceu por meio de parcerias sólidas e de credibilidade, que também possibilitaram ampliar a abrangência do Ler e Pensar a novas escolas”, completa Fernanda. 

Para a diretora da Gazeta do Povo, Ana Amélia Filizola, a conquista é mérito dos mais de três mil professores, 100 mil alunos e 40 apoiadores que tornam realidade o incentivo à leitura a partir da realização do Ler e Pensar, que está presente em salas de aula de 58 municípios paranaenses. “É nosso papel contribuir para o desenvolvimento da sociedade. O Ler e Pensar é motivo de orgulho por ter conseguido engajar educadores e despertar, desde cedo, o espírito crítico nos alunos que participam do projeto. É importante ressaltar que temos ao nosso lado parceiros que também acreditam no poder transformador da educação”, comenta. 

Ana Gabriela Simões Borges, gerente do Instituto GRPCOM, ressalta a importância da premiação. “Essa conquista deve ser muito comemorada por todos os envolvidos no projeto, pois além de reconhecer os esforços para a qualidade do Ler e Pensar, nos mostra que estamos no caminho certo e que é possível transformar a sociedade por meio da leitura”, diz. Ela acrescenta o papel dos parceiros nessa valorização. “É um importante reconhecimento não só para a equipe, que atua no dia a dia, mas para todos os apoiadores e parceiros que, assim como nós, acreditam que essa transformação só pode acontecer com uma educação de melhor qualidade”, completa.

Empresas de comunicação de 13 países foram reconhecidas no prêmio internacional deste ano, em nove categorias diferentes. Na classificação em que o Ler e Pensar foi selecionado, também serão premiados projetos dos jornais The Star, da Malásia e Singapore Press Holdings, de Singapura. A cerimônia oficial de premiação acontecerá de 24 a 26 de novembro, em Bali, na Indonésia.

Trajetória
Além das premiações internacionais, o Ler e Pensar foi finalista, neste ano, no Prêmio ODM Brasil, que é um reconhecimento proposto pelo Governo Federal a iniciativas privadas e públicas que contribuem para o cumprimento dos Objetivos de Desenvolvimento do Milênio, estabelecidos pela ONU. Em 2010, o projeto já havia sido reconhecido por sua contribuição ao Objetivo do Milênio 2, que prevê educação básica de qualidade para todos.

O projeto
O projeto Ler e Pensar é desenvolvido pelo Instituto GRPCOM desde 1999 em parceria com a Gazeta do Povo. Exemplo de um projeto bem sucedido e referência no Programa de Jornal e Educação para a ANJ (Associação Nacional de Jornais), atualmente está presente em 58 municípios paranaenses, beneficiando 493 escolas e mais de 3 mil professores e 104 mil alunos. Hoje, o projeto é patrocinado pela Associação Comercial do Paraná (ACP), Instituto HSBC Solidariedade e SESI. Além disso, conta com mais de 25 padrinhos sociais, o que permite que as escolas recebam os jornais diariamente. O Ler e Pensar também oferece assessoria pedagógica aos professores participantes, por meio de programa de formação continuada com certificação, atividades pedagógicas, eventos culturais e materiais didáticos.

 

Utilizamos cookies e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade e Política de cookies , ao continuar navegando, você concorda com estas condições.