10/03/2011

Há um carro para cada dois habitantes no Paraná

Aumento da frota veicular foi maior em quatro municípios da região metropolitana de Curitiba

 
Em 2010, o estado completou a marca de cinco milhões de veículos, segundo dados do Departamento de Trânsito do Paraná (Detran) e Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Em um ano, a quantia de carros cresceu 7,6%, principalmente na região metropolitana da capital – Araucária, Colombo, São José dos Pinhais e Pinhais foram as cidades que apresentaram maior aumento.
 
O crescimento da frota na região metropolitana pode ser explicado por três motivos, ao menos: a migração das empresas para esses municípios (em busca de incentivos fiscais), a saturação da capital em termos imobiliários, e o aumento de locadoras de automóveis, principalmente no caso de São José dos Pinhais. Para contornar o problema de fluidez no trânsito, a Urbanização de Curitiba (Urbs) está apostando em um novo sistema Integrado de Mobilidade que prevê o controle dos semáforos, utilização de câmeras, rede integrada de transporte, binários, anel viário, ampliação de estacionamento regulamentado em alguns pontos e proibição em outros.
 
Clique aqui para ler a matéria completa do jornalista Ismael de Freitas para o Jornal Gazeta do Povo.
 
 

Utilizamos cookies e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade e Política de cookies , ao continuar navegando, você concorda com estas condições.