02/03/2011

Evasão em universidades brasileiras é a maior em seis anos

No Paraná, no ano passado, 56 mil universitários abandonaram a graduação

Em 2009 o Paraná gastou R$ 568 milhões com a evasão de 56.837 alunos de universidades públicas e privadas. A taxa de evasão nesse ano ficou em 20,9%, a maior desde que o controle começou  a ser feito, em 2003.
 
O número de estudantes que deixaram os bancos das faculdades públicas no estado passou de 7.951 em 2008, para 16.333 no ano seguinte. Somente com as instituições públicas paranaenses, o prejuízo provocado por esse abandono foi de pelo menos R$ 163 milhões, estimando-se que o custo anual de um universitário na escola pública é de R$ 15 mil. Em todo o país, os dados do Censo do Ensino Superior, realizado pelo MEC mostram que, de 2008 para 2009, um total de 896.455 estudantes abandonaram a universidade.
 
Os dados da evasão universitária fazem parte de um estudo feito especialmente para o jornal Gazeta do Povo, pelo Instituto Lobo para o Desenvolvimento da Educação, da Ciência e da Tecnologia. Clique aqui para conferir na íntegra a reportagem de Andréa Morais.

 

Utilizamos cookies e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade e Política de cookies , ao continuar navegando, você concorda com estas condições.