16/02/2011

Brasil forma menos professores

Nos últimos quatro anos, diminuiu pela metade o número de formandos em cursos que preparam docentes

Um levantamento realizado pelo Ministério da Educação (MEC) apontou que caiu em 50% o número de alunos que concluíram a graduação em cursos de formação de docentes para a educação básica, como Pedagogia. Segundo o Censo do Ensino Superior, de 2005 a 2009, o número de alunos que concluiu essas graduações caiu de 103 mil para 52 mil. No caso dos cursos de licenciatura também houve queda no interesse pela carreira: nos últimos quatro anos o número de formados caiu de 77 mil para 64 mil.
 
Esses dados são preocupantes porque projetam a falta de docentes capacitados em 2016, ano em que será obrigatória a matrícula de crianças entre quatro e cinco anos nas escolas públicas. E enquanto cai o número de professores formados, aumenta a quantia daqueles que estão nas salas de aula sem diploma. Segundo o Censo, há 636 mil professores nessa situação nos ensinos infantil, fundamental e médio, o que representa 32% do total dos docentes, 42 mil educadores a mais que o registrado em 2007.
 
Confira aqui mais informações na reportagem veiculada pela Gazeta do Povo.
 
 

Utilizamos cookies e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade e Política de cookies , ao continuar navegando, você concorda com estas condições.