27/02/2018

Ler e Pensar lança oficialmente o projeto para 2018

Até dia 26 de março professores de escolas públicas do Paraná podem se inscrever gratuitamente para participar

Na manhã de hoje (27), o Ler e Pensar (LeP), projeto de Educomunicação do Instituto GRPCOM em parceria com a Gazeta do Povo, lançou oficialmente as ações para 2018, que, neste ano, irá ofertar gratuitamente 3 mil vagas para professores de todo o Paraná.

O LeP é um Projeto de incentivo à leitura e cidadania, que visa contribuir para o desenvolvimento social e cultural de crianças e adolescentes paranaenses, dirigido a professores e alunos do ensino fundamental e médio de escolas e instituições públicas do Paraná. Em funcionamento desde 1999, leva matérias da Gazeta do Povo para dentro da sala de aula, discutindo questões relevantes para o currículo.

A secretária de educação de Curitiba, Maria Silvia Bacila, falou da importância do projeto. “Todo esse processo da leitura, e da leitura especificamente dos textos jornalísticos, trazem um movimento diferente para a educação, porque coloca aquilo que é realidade, que é discutido, aquilo que é o pertencimento da cidade nas carteiras de sala de aula todos os dias”.

 

Novidades

Uma das grandes novidades do Ler e Pensar em 2018 é que o Concurso Cultural foi lançado hoje, junto com o  Projeto. “Procuramos sempre ouvir o feedback dos participantes e esse foi um pedido recorrente deles no ano passado. Então, fizemos a mudança por entender que desta forma o professor conseguirá organizar melhor o trabalho ao longo do ano”, afirmou Mariane Maio, gestora estadual do Ler e Pensar.

Uma nova plataforma EAD também será apresentada aos professores. Mais moderna e interativa, os cursos terão uma linguagem atual, utilizando recurso de vídeos. Esta mudança vai de encontro ao novo objetivo do Ler e Pensar para 2018: consolidar a estratégia digital do Projeto, iniciada em 2017. “Além de continuar contribuindo para a leitura, aprendizagem e participação cidadã, que sempre foi objetivo do Projeto, nós pretendemos acompanhar as tendências educacionais e contribuir com a criação da cultura de uso das tecnologias digitais nas escolas”, completou Mariane.

 

Reconhecimento

A metodologia de uso do jornal proposta pelo Ler e Pensar, é reconhecida pela Organização das Nações Unidas (ONU) desde 2010, por contribuir com o objetivo 2 dos então Objetivos de Desenvolvimento do Milênio – Educação Básica de qualidade para todos. Conta ainda com prêmios como o Prêmio Mundial de Jovens Leitores, World Young Reader Prize e INMA Awards.

 

 

 

Tags: , , ,